plantas que purificam o ar
Plantas que Purificam o Ar
2 de setembro de 2020
Plantas para Banheiro
16 de setembro de 2020

Quer uma planta bonita, com flores, fácil de cuidar e que se desenvolva bem mesmo dentro de casa? O lírio da paz pode ser a solução para você.

Há quem diga que o lírio da paz é a planta rainha do drama. Faltou água, suas folhas se entortam para baixo, como se estivessem desfalecendo, desmaiando. Coloque água e elas se erguem gloriosas e elegantes.

Então, se você é daqueles que esquece de regar suas plantinhas , ter um Lírio da Paz pode ajudar. Com esse aviso dramático que a planta sinaliza, você aproveita para checar como estão as outras plantas.

Plantas dentro de casa deixam o ambiente mais bonito, leve e cria harmonia com os objetos da casa.

O Lírio da paz (spathiphyllum wallisii) é uma planta da família da Araceae , nativa de florestas tropicais da Venezuela e Colômbia. Popularmente conhecido também como Bandeira-branca ou Espatifilo.

Você vai encontrar no mercado, apesar de ser mais raro, a espécie variegada, com manchas brancas nas folhas. São lindíssimas. Além também do tamanho mini e gigante.

Você vai conhecer aqui um pouco mais sobre essa planta; as maneiras de cultivo e também simbologias.  A oportunidade de encher sua sua casa de positividade, paz, e também trazer a purificação do ambiente.

Luminosidade

Planta fácil de cuidar, que sobrevive em ambientes sem incidência de luz solar direta.  Aliás, o Lírio da paz não tolera o sol direto em suas folhas, elas queimam.

Dependendo da sua região, você pode experimentar o sol de fim de tarde ou início da manhã. Porém, ao menor sinal de amarronzado das folhas , troque sua planta de lugar.

Sendo assim, o melhor local para sua planta é dentro de casa ou em varandas protegidas da luz direta do sol.

Sorte a nossa, pois essa é uma planta que enche nossa casa de positividade, simbolizando não só a paz, mas também a purificação do ambiente.

Como Regar

Como já mencionei lá traz o Lírio da paz se caracteriza por avisar quando está precisando de água. Mas não vamos deixar isso acontecer continuamente, não é ? Esteja atento para que sua plantinha não sofra.

Se você mora em locais quentes e secos a atenção deve ser maior, geralmente 4 regas na semana são suficientes. No entanto, não deixe o substrato secar completamente entre uma rega e outra.

No inverno, e também em períodos de chuva com umidade maior, pode-se diminuir a quantidade de água.

Como as folhas do Lírio da paz são largas é comum o acúmulo de poeira. Logo,  é bom limpar cuidadosamente com um pano úmido. Além disso,  borrifar suas folhas com água vão deixá-las mais hidratadas.

 

Como fazer Mudas

Para reproduzir seu Lírio da paz, o ideal é que se faça na época das chuvas para que a umidade do ar amenize o efeito da mudança.

Quando a planta estiver densa e precisando de cortes para continuar crescendo saudável e bonita, então é o momento certo para fazer as mudas. Ou se você  perceber que ela está ficando pequena para o vaso.

Evite a remoção no período das floradas, que são mais abundantes na primavera e verão.

Retire toda a planta do local em que estiver plantada e basta fazer a divisão da touceira. Como é uma planta que não tem caule, separa-se facilmente pela base dos ramos.

Plantando o Lírio da paz

O lírio da paz pode ser plantado tanto em canteiros, protegidos do sol, quanto em vasos.

O vaso deve ser bem aerado, com cascalho, argila expandida  ou outro material drenante no fundo.

Escolha substrato rico em matéria orgânica de boa qualidade; como misturas de húmus de minhoca ou esterco de galinha ou gado.

O outono e o inverno são as melhores estações para plantar o lírio da paz, pois é quando ele está dormente.

Como ele não cresce mais do que sessenta centímetros, é possível plantá-lo mesmo em vasos menores e ainda assim ter uma planta com folhagens grandes e bonitas.

fonte: Pinterest sheknows.com

Cultivando na Água

Essa é uma espécie que se adapta muito bem à água. Além de ser fácil de cuidar, plantas na água têm um desenvolvimento fascinante.

As mudas devem ser bem higienizadas e livres de terra.

Escolha recipientes que não sejam transparentes a fim de que as raízes se desenvolvam melhor. Se não for possível, então, pelo menos no início, envolva o vidro com algum papel ou tecido para simular um local mais escuro. Depois que as raízes já estivem mais fortes e maiores, já é seguro manter o vidro transparente.

Os cuidados iniciais também devem ser frequentes para evitar que a raiz apodreça. As trocas de água devem ser feitas pelo menos três vezes por semana, com a devida higienização do recipiente.

Também deve-se ter cuidado com o tamanho do vaso. Ele deve acomodar bem a planta para que ela tenha espaço e se desenvolva. Bocas mais estreitas ajudam a manter a planta mais ereta.

Quando Trocar o Lírio da paz de Vaso

O vaso ou recipiente influencia na saúde do seu Lírio da paz.

Em primeiro lugar, é importante lembrarmos que o ambiente do vaso é limitado. Em contrapartida, mesmo com adubação correta e um bom substrato, com o tempo, a qualidade desse mini ecossistema vai se desgastando.

Com a finalidade de evitar o stress da planta, observe que o momento para a troca do vaso será quando:

  • o tamanho da planta já é muito maior em relação ao vaso;
  • as raízes estiverem saindo pelos furos de drenagem;
  • as novas folhas nascem com defeitos;
  • o florescimento se torna escasso;

Leia também:

Quando Adubar

Além da nossa sugestão de um solo leve para o crescimento do lírio, na hora da reposição de nutrientes, é indicado utilizar o adubo tipo NPK de formulação 10-10-10, misturando com água. Coloque sempre um pouco a menos do que o indicado na embalagem.

Há casos em que o excesso de adubação pode prejudicar a planta. Fique atento, por exemplo, no caso das flores não se tornarem brancas. Quando as flores ficam no tom de verde e depois murcham é sinal de muito fertilizante. Reduza pela metade nesse caso, a medida que vem utilizando.

Pontas e bordas das folhas amarronzadas também indicam excesso na quantidade usada na hora da fertilização.

Para que o lírio tenha nutrientes o suficiente para crescer forte e saudável, adube-o a cada dois meses. Você pode utilizar também farinha de casca de ovo e borra de café.

 

Floração do Lírio da Paz

A floração do Lirio da Paz ocorre praticamente o ano todo. Contudo, o mais comum são duas vezes ao ano. Desde o final do verão até o início do outono e a segunda vez, no final do inverno até a primavera.

O interessante sobre a flor do Lirio da Paz, é que sua flor é bem pequena. Toda a parte branca, na verdade, é uma inflorescência, ou seja, forma um conjunto. Esse conjunto tem 3 partes: espádice, flor e espata.
E sabe o que é a flor de verdade? São aquelas pontinhas que saem da espiga, que não chama espiga e sim espádice. Espata é a folha modificada, fina e branca que envolve a espádice com as flores.

As flores surgem esverdeadas e, à medida que crescem e se desenvolvem adquirem então a cor branca, que duram até um mês. Em seguida, elas envelhecem e começam a esverdear novamente e amarelar.

Faça então a poda das flores com uma boa tesoura , assim que perceber o início do envelhecimento. Corte na base, lembrando de utilizar uma ferramenta limpa. Não tente arrancar com as mãos o talo da flor e nem das folhas, pois pode danificar o restante da sua planta.

Folhas Secas

Quando falamos de folhas secas, temos que pensar em vários fatores que podem estar prejudicando nossa planta.

Não é simples descobrir a causa, às vezes somente com a análise técnica de um agrônomo.

No entanto,  podemos observar alguns pontos importantes para evitar o ressecamento das folhas:

  • o sol pleno queima rapidamente as folhas do Lírio da paz;
  • falta de água, não deixe o substrato secar completamente entre as regas;
  • excesso de água nas raízes pode criar fungos que atingem as folhas, verifique se o vaso está bem drenado;
  • baixa umidade do ar, como períodos de seca e sem chuva;
  • ambientes com ar-condicionado o tempo todo;
  •  pouca luminosidade;
  • excesso de adubo, coloque sempre um pouco menos do que o indicado nas embalagens;
  • falta de adubo, adube o seu Lírio da paz pelo menos a cada dois meses;
  • tamanho do vaso;
  • algumas folhas secas na parte inferior da planta é normal.

Simbologia

Segundo estudos científicos , o lírio da paz é um filtro do ambiente, trazendo benefícios para a saúde humana por purificar o ar de substâncias nocivas.

Esse estudo mostra que o lírio da paz remove compostos orgânicos voláteis do ar, como o benzeno e a amônia, melhorando sua qualidade.

Mesmo para quem desconhece esse estudo, o lírio da paz já virou símbolo de purificação pela positividade que traz para a casa. O contraste entre o branco e o verde escuro dão certa misticidade à planta, havendo até lendas sobre o lírio da paz.

Em lendas indígenas, na América Central, o lírio da paz  está ligado ao renascimento de uma corajosa índia que tentava proteger seu templo.

Outra lenda remete aos Orixás, Oxum e Oxossi e sua orações por desejo de um filho. O lírio da paz foi o responsável por abrigar essa criança na floresta.

Nas essências florais , o lírio da paz promove o equilíbrio da energia pessoal, propiciando a expansão da consciência. Indicado principalmente para pessoas que estão diariamente expostas a radiação de dispositivos eletrônicos.

E por fim, segundo o Feng Shui, um método chinês de organizar e potencializar as boas vibrações da casa, o lírio da paz  traz positividade, renovando as energias e deixando o ambiente harmonioso.

Tanto essas lendas quanto as pesquisas mostram o caráter de proteção e de purificação que o lírio da paz proporciona.

Então, você já tem um lírio da paz em casa? Compartilhe dicas de como você cultiva o seu!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.