Como Cuidar de Antúrios: Conheça Dicas de Rega e Substrato

macramê para pendurar vasos de plantas
Como Fazer Macramê para Pendurar Plantas na Sua Casa
15 de outubro de 2021
como replantar
Como Replantar suas Plantas de Interior
18 de novembro de 2021

Vamos conhecer aqui dicas para o dia-a-dia de como cuidar de Antúrios para que sua planta cresce e se desenvolva saudável mantendo florações constantes.

Umas das flores mais procuradas em floras e mercados, o Antúrio é uma linda planta com flor que encanta pela beleza. Suas flores permanecem por períodos de até 4 meses.

Vamos conhecer aqui dicas para o dia-a-dia de como cuidar do Antúrio para que sua planta cresce e se desenvolva saudável mantendo florações contantes.

O gênero Anthurium é pertencente à família da Areceae, a mesmo dos filodendros, alocacias e tantos outros.

Vamos falar sobre os antúrios mais comuns e comercializados que são chamados cientificamente de Anthurium andraeanum. Assim também como seus híbridos, minis e outros tons de flores.

Luminosidade

Os Antúrios gostam de bastante claridade, porém, não se adaptam aos extremos.

Sendo assim, o sol pleno pode queimar suas folhas e a sombra, com o tempo, deixar a planta debilitada. O ideal então é escolher um local com meia-sombra.

Se o Antúrio não floresce mais, apresenta folhas amareladas e sem vida, uma das causas pode ser a falta de luminosidade.

Substrato para os Antúrios

Gosta de umidade, contudo o solo deve estar bem drenado, leve e solto.

Monte substratos que sejam bem aerados. Use pedras, britas e outros materiais como pedaços de telha para garantir a oxigenação entre as raízes.

Os vasos devem sempre possuir orifícios para drenagem.

Regas

Como o Antúrio gosta de solo úmido, regue de maneira que todo o substrato do vaso seja alcançado pela água.

Contudo, tome o cuidado de verificar que todo o excesso de água escorreu pelos orifícios do vaso.

Além disso, se você usa um cachepot para sua planta, minutos depois da rega, esvazie e jogue fora toda a água que ficou aí.

De tempos em tempos, analise as raízes, elas devem ser claras e firmes.

O excesso de rega pode deixar suas plantas murchas e amareladas e apodrecer as raízes.

Fertilização

Na natureza, os Antúrios são de regiões sombreadas, com solo rico que contém restos de folhas, galhos e animais em decomposição.

Quando estão plantados em vasos, os Antúrios consomem rapidamente os nutrientes presentes, fazendo como que esse solo, com o tempo, perca todos os nutrientes e se torne um solo pobre.

Dessa maneira, mantenha a fertilização constante do seu Antúrio para repor esses nutrientes.

Lembrando que o Antúrio é considerada uma planta com toxidade. Se quiser ler mais sobre isso e, ou do contrário, sobre plantas seguras para cães e gatos, clique aqui.

1 Comment

  1. Elizabeth Helena pereira disse:

    Muito bom saber sobre antúrio amo essa planta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.