Como Fazer Muda de Zamioculca: Por Folhas e Estacas

orquídea vanda
Orquídea Vanda: Conheça as Características e Cuidados Essenciais
21 de dezembro de 2023
Callisia Repens ou Dinheiro-em-Penca: Cuidados
22 de janeiro de 2024

Atualizado em 8 de janeiro de 2024 por Casa Maria Lucia

Sempre quis multiplicar sua Zamioculca? Chegou a hora! Coloquei neste artigo algumas boas dicas de como fazer muda de Zamioculca através de 2 métodos diferentes, pelo caule e pelas folhas. A Zamioculca é a favorita de muita gente que não tem experiência com plantas. Ela também é uma escolha segura para quem precisa de uma planta resistente.

Muito se fala da Zamioculca, mas principalmente por sua capacidade de prosperar em ambientes de sombra, não é mesmo? Além disso, ela é uma planta robusta e elegante que tornou-se a preferida não só por precisar de pouca luz como também de pouca água.

Originária da África, a Zamioculca (Zamioculcas zamiifolia) tem folhas super brilhantes e uma estrutura com hastes alongadas que confere um toque de verde bem sofisticado.

Separei duas formas de propagação com passo a passo que vão ajudar você a multiplicar sua Zamioculca através de processos simples. Vamos lá!

Como Fazer Muda de Zamioculca

Existem dois métodos principais para fazer a muda da Zamioculca: através do caule e pela propagação por folhas. Ambos os métodos são relativamente simples e podem ser realizados com sucesso em casa.

Como fazer Muda de Zamioculca por Folhas

Para você ter sucesso na propagação da Zamioculca através das folhas, você vai precisar escolher folhas saudáveis, com brilho, robusta e boa aparência.

  • Destaque a Folha: não precisa de tesouras, apenas puxe a folha com as mãos no sentido contrário ao ápice do caule. Use luvas pois a seiva da Zamioculca pode causar irritação na pele de algumas pessoas.
  • Preparo da Folha: Deixe a folha cortada ao ar por algumas horas para que a ferida cicatrize, isso vai dificultar o apodrecimento da folha.
  • Prepare o vaso: separe um vaso pequeno com furos no fundo e coloque pedriscos para uma boa drenagem. Em seguida acrescente partes iguais de terra e de areia. 
  • Plantio da Folha: Coloque a base da folha no substrato, enterrando até a metade.
  • Umidificação: Mantenha o substrato levemente úmido, mas não encharcado, nos primeiros 30 dias.
  • Local: escolha um local com sombra mas que seja bem iluminado para deixar o vaso com as mudas.
  • Tempo de Enraizamento: Pode levar de 45 a 90 dias até que novas raízes e brotos apareçam. Tenha paciência e não mexa nas folhas até que se complete o tempo de 45 dias.

Fazer a propagação da Zamioculca na água 

Uma alternativa para os mais curiosos é colocar as folhas em um recipiente com água ao invés de enterrar no substrato. Assim será possível acompanhar o desenvolvimento da formação das raízes.

Nesse caso, a água deve ser mantida limpa e trocada a cada dois dias. Então, após a formação das raízes, as mudas das folhas podem ser transferidas para um vaso com substrato.

Ambos os métodos de propagação da Zamioculca por folhas têm suas vantagens e podem ser escolhidos com base na sua preferência pessoal ou na disponibilidade de material.

O tempo de enraizamento da folha da Zamioculca pode variar muito por conta do clima, da temperatura e do ambiente. Sendo assim, considere os dados acima como um parâmetro para fazer suas mudas. 

Como Fazer Mudas de Zamioculca por Estacas do Caule

  1. Escolhendo o Caule para Propagação

Escolha um caule saudável, com folhas e robusto da Zamioculca mãe. Dê preferência para um galho que tenha aquela barriguinha na base. 

Evite escolher um caule que esteja doente ou com aspecto amarelado. Sua planta precisa ser saudável para não atrapalhar no sucesso da propagação.

  1. Fazendo o corte

Utilize uma tesoura de poda ou faca de jardinagem afiada e esterilizada para fazer o corte. Limpe a ferramenta com álcool ou uma solução de água sanitária para evitar a propagação de doenças.

Faça um corte limpo e reto na base do caule, próximo ao solo.

  1. Esperando a cicatrização do Corte

Após cortar o caule, deixe-o descansar em um local seco e arejado por cerca de 24 horas. Isso permite que o corte cicatrize, além de reduzir o risco de apodrecimento quando plantado.

  1. Plantando a Estaca de Caule

Prepare um vaso com substrato apropriado, que deve ser leve e bem drenado. Uma mistura de partes iguais de terra para vasos e areia é ideal.

Umedeça o substrato levemente antes de plantar a estaca.

Insira a estaca de caule no substrato, garantindo que o corte esteja bem enterrado, mas sem cobrir as folhas inferiores.

Se for necessário, retire algumas folhas da parte inferior do caule, para que não fiquem em contato com a terra.

  1. Cuidados Após o Plantio

Coloque o vaso em um local sem sol direto, porém bem iluminado. A luz solar direta pode prejudicar o enraizamento.

Mantenha o substrato sempre levemente úmido, mas evite regar em excesso para não provocar o apodrecimento do caule.

Não é necessário adubar a estaca até que ela comece a mostrar sinais de crescimento ativo.

  1. Observação e Paciência

A propagação por estacas de caule pode levar várias semanas ou até alguns meses para que novas raízes se desenvolvam. 

  1. Transplante para um Vaso Permanente

Uma vez que a estaca tenha desenvolvido um algumas raízes e você observe até mesmo um novo crescimento das folhas, é hora de transplantá-la para um vaso maior, se necessário.

Dica : Assim como na propagação por folhas, algumas pessoas optam por enraizar as estacas de caule em água antes de plantá-las no substrato do vaso. Se você preferir este método, coloque a estaca em um recipiente com água, trocando-a regularmente, até que as raízes se formem, e depois transfira para o substrato.

Para saber como cuidar da sua Zamioculca depois de enraizada e todas as mudas que você produziu, conheça nosso outro artigo cheio de dicas. Deixe seu comentário abaixo e conta pra gente se você ja tem Zamioculcas em casa e como você faz os cuidados no dia a dia.

Já tentou propagar a Zamioculca? Então comenta aqui também como foi sua experiência.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *